A espera

Ninguém gosta de esperas, porém é inevitável. A vida nos fornece isso e tudo que temos que fazer é aceitar ou tentar – ao menos  acelerar para que ela ocorra rápido. Por que eu estou falando sobre isso? É tão cansativo você esperar em uma fila de um banco ou de mercado, é tão cansativo você ter que esperar mais de um mês para ver o resultado do vestibular… é tão cansativo ficar sozinho o tempo todo e mesmo você tentando mudar isso as pessoas não ajudam. Por exemplo: quando você acha que encontrou o cara certo para viver o momento presente da sua vida. Mais de repente não é… se um não quer dois não existem. É simples.  É só que… quando se vive sozinho a vida acaba sendo monótona – e eu odeio isso -, gosto de sair do meu campo de segurança. Gosto de me arriscar, conhecer gente nova, fazer algo que todos acham impossível mais não é. Mais a “espera” sempre vai estar lá, criando uma barreira insondável e claro… nunca irei desistir. Sempre vou procurar e lidar com essa coisa de esperar. E eu quero quero acreditar que no mundo lá fora exista alguém que esteja esperando por mim e que me faça feliz.

Acompanhem o Camafeu da Lia nas redes sociais: FacebookInstagramTumblr e Twitter.

Anúncios